Notícia

Projeto Quintais completa 10 anos

Ilustração dos 10 anos do Projeto Quintais

Em 2014 o Projeto Quintais alcança uma importante marca. O projeto que é desenvolvido desde 2004 através da parceria Eletrobrás CGTEE e Embrapa Clima Temperado, completou dez anos de atuação. Além disso, desde 2013, o projeto conta também com o apoio da Finep por ter sido agraciado com o prêmio de Inovação na categoria TECNOLOGIA SOCIAL (Região Sul e Nacional).

Esta ação tem como objetivo contribuir com a sustentabilidade social, econômica e ambiental de públicos em situação de vulnerabilidade e de risco social, econômico e alimentar, principalmente agricultores familiares, assentados da reforma agrária, comunidades indígenas, quilombolas e alunos de escolas rurais e urbanas.

Privilegia técnica e conceitualmente os princípios da produção de base ecológica, abordando questões culturais, étnicas, ambientais, alimentares, econômicas e medicinais.

Para a composição dos quintais, são adotadas cinco plantas frutíferas, provenientes de um conjunto de 18 espécies, que incluem pêssego, figo, laranja, amora-preta, cereja-do-rio-grande, araçá, goiaba, caqui, pitanga, romã, tangerina, limão, guabiju, araticum, uvaia, videira, jabuticaba e guabiroba, selecionadas em função de suas características nutricionais e funcionais. Atualmente, além das espécies frutíferas, foram incluídos feijão, milho, abóbora, melancia, tres cultivares de batata doce e treze espécies de hortaliças, totalizando 38 opções de alimentos cultivados no interior de cada Quintal.

De 2004 a 2014, através da parceria com a Eletrobras CGTEE foram implantados 1.627 quintais e com recursos do prêmio FINEP em 2014 foram implantados outros 122. Totalizando 1.749 Quintais implantados em 173 municípios do Sul do Brasil e do Uruguai, com 316.255 árvores plantadas, sendo 133.155 frutíferas e o restante de quebra-ventos, atingindo 54.265 beneficiários diretos, sendo: 3.184 agricultores assentados, 5.399 agricultores familiares, 33.576 alunos, 2.632 indígenas, 855 quilombolas e 8.619 de instituições assistencialistas.

O Projeto recebeu as seguintes premiações: Certificação de Tecnologia Social, pela Fundação Banco do Brasil em parceria com a Petrobras; Tecnologia Ambiental, durante a 3ª Edição da Feira Internacional de Tecnologia para o Meio Ambiente (FIEMA); Tecnologias Socioambientais-Setor Público, durante a 16ª Edição do Prêmio Expressão de Ecologia; Tecnologia Social Região Sul e Nacional, pela Financiadora de Estudos e Projetos (FINEP).

Os quintais e as tecnologias desenvolvidas no projeto, tais como novas cultivares, conhecimento das propriedades funcionais dos alimentos que compõem o quintal, assim como o processo de verticalização ou transformação e agregação de valor aos alimentos deverão promover a inclusão social de beneficiários, assim como, viabilizar a geração de emprego e renda. Cada quintal constitui uma Unidade Demonstrativa ou de transferência de tecnologia dos produtos, processos e serviços gerados pela Embrapa.

Para maiores informações clique AQUI